REFLEXÃO:Você quer ter uma experiência especial com Jesus nesta páscoa?

06:13 4 Comments A+ a-


JESUS CRISTO, A FIEL TESTEMUNHA, O PRIMOGÊNITO DOS MORTOS E O SOBERANO DOS REIS DA TERRA!














AQUELE QUE NOS AMA,
E, PELO SEU SANGUE NOS LIBERTOU DOS NOSSOS PECADOS!






E NOS CONSTITUIU REINO, SACERDOTES PARA O SEU DEUS E PAI, A ELE A GLÓRIA E O DOMÍNIO PELOS SÉCULOS DOS SÉCULOS!






A ELE A GLÓRIA E O DOMÍNIO PELOS SÉCULOS DOS SÉCULOS!!!!!!















EIS QUE VEM COM AS NUVENS E TODO O OLHO O VERÁ!!!!ATÉ QUANTOS O
TRASPASSARAM, E TODAS AS TRIBOS DA TERRA SE LAMENTARAM SOBR ELE!













EU SOU O ALFA ÔMEGA DIZ O SENHOR DEUS! AQUELE QUE É, QUE ERA E QUE HÁ DE VIR, O TODO PODEROSO!APOCALIPSE 1:4 AO 8





INTRODUÇÃO: A páscoa, parece ser o tempo mais apropriado para relembrarmos o ministério, o sacrifício e a ressurreição de Jesus, o Cristo de Deus.

NESTA OCASIÃO: Ritos e costumes meramente humanos, bem como muitas celebrações espirituais, são promovidas e ganham lugar de destaque e são assistidas por muitos: Que por um breve e momentâneo interesse, voltam-se para buscar e contemplar a Jesus e os fatos que somam esta parte de sua história.

PERGUNTO: Será que diante de Deus, é válido este interesse passageiro, que algumas pessoas demonstram por Jesus motivadas por comemorações de datas religiosas?

PERGUNTO E RESPONDO: Durante o meu ministério, tenho constatado que muitas pessoas, a partir de um culto de natal ou de páscoa... foram escolhidas e verdadeiramente tocadas pelo Espírito do Deus Eterno, e desde então passaram a experimentar uma comunhão diária e pessoal com o nosso Jesus.

E POR FALAR EM PESSOAS QUE FORAM ESCOLHIDAS E TOCADAS POR JESUS POR OCASIÃO DA PÁSCOA, QUERO TRAZER À MEMÓRIA O ENCONTRO QUE AQUELES DOIS MALFEITORES, TIVERAM COM JESUS DURANTE SUA CRUCIFICAÇÃO.

É IMPORTANTE RELEMBRARMOS PRIMEIRO QUE: Ambos estavam vivendo um grande paradoxo.

OU SEJA:
Eles estavam enfrentando o pior e o melhor momento de suas vidas.

.A situação e a experiência que a mesma proporcionava era terrível e ao mesmo tempo especial e única.

QUE SITUAÇÃO TERRÍVEL: Crucificados irremediavelmente àquelas cruzes malditas, estavam vendo passar, como um conto ligeiro, os últimos momentos, as últimas experiências, que teriam nesta vida.

É IMPORTANTE RELEMBRAR TAMBÉM QUE:
Por causa de suas maldades desenfreadas, é que foram escolhidos pelas autoridades competentes, para serem condenados à morte, exatamente por estarem na época da páscoa, tornaram-se assim, parte daquele espetáculo de horrores.

QUE SITUAÇÃO HORRÍVEL E EXTRAORDINÁRIA: Estavam lado a lado com Jesus, Senhor e Salvador, O único que naquele momento, poderia devolver a vida que por condenação maior, estava sendo tirada dos mesmos.

É DE EXTREMA IMPORTÂNCIA RELEMBRARMOS QUE A
CONDENAÇÃO ERA A MESMA PARA AQUELES MALFEITORES, MAS A ATITUDE NÃO FOI:

.Um dos malfeitores desperdiçou o único momento que teve para ter uma experiência especial, face a face com Jesus para blasfemá-lo, e tornar assim, ainda maior o peso da sua culpa e condenação.

.Mas, o outro malfeitor aproveitou aquela páscoa para reconhecê-lo como Justo Senhor.

ELE REPREENDEU O SEU COLEGA DE PRISÃO E COMPANHEIRO DE CONDENAÇÃO COM REPÚDIO E INDIGNAÇÃO DIZENDO: Você não teme a Deus? Você está debaixo da mesma condenação que ele recebeu. A nossa condenação é justa, e por isso estamos recebendo o castigo que nós merecemos por causa das coisas que fizemos; mas ele não fez nada de mau. Lc.23: 40 e 41

EM SEGUIDA PORQUE DESEJOU E ACREDITOU, APROVEITOU AQUELE MOMENTO MALDITO PARA VIVENCIAR A MAIOR EXPERIÊNCIA DE SUA VIDA: Sem reservas, cheio de santo temor admitiu seus erros e rendeu-se humildemente diante da majestade de Jesus, e arrependido por sua culpa e merecimento, com voz suplicante e terna clamou: Jesus, lembre de mim quando o senhor vier como Rei! Jesus respondeu: Eu afirmo a você que isto é verdade: hoje você estará comigo no paraíso.
Lc.23:42 e 43.

É IMPORTANTE RELEMBRARMOS AINDA QUE: Após sua ressurreição ele escolheu e apareceu a dois discípulos seus, que frustrados, entristecidos e em completo desânimo, por causa de sua morte de cruz, regressavam aos seus lares em Emaús.

.Naquele momento feliz e único, sem que eles se dessem conta, Ele se manifestou a eles e ministrou aos seus corações de tal forma que a chama da confiança, da alegria e do entusiasmo cristão, foi reacendida em seus corações.

COMENTÁRIO:

Estamos aqui diante de dois quadros, que nos revelam histórias de pessoas, que por ocasião da páscoa estiveram face a face com Jesus, e tiveram oportunidades únicas de terem uma experiência pessoal com Ele, em momentos tão delicados de suas vidas.

OS MALFEITORES: Estavam irremediavelmente apregados a uma cruz, instrumento de morte, como castigo pelos pecados que cometeram.

OS DISCÍPULOS DE EMAÚS: Naquela páscoa, por causa dos fatos que aconteceram com Jesus, tendo como desfecho final a sua morte na cruz, tinham perdido a fé, a alegria e o entusiasmo de serem seus seguidores.

E QUANTO A VOCÊ:

.Qual é a tua situação física, espiritual, emocional e social nesta páscoa?

.Será que por culpa e merecimento estás preso (a) irremediavelmente a alguma cruz?

.Será que por causa de alguma frustração, por causa de alguma decepção, a chama de Jesus esfriou em teu coração, e você se encontra nesta páscoa: sem fé, sem alegria e sem entusiasmo?

CASO ESTEJA PASSANDO POR MOMENTOS CONTRÁRIOS, SEJA POR CULPA OU POR DESÍGNIO:

Ore agora mesmo, e suplique o favor do Senhor sobre sua vida, e sobre a vida daqueles a quem ama, que por algum motivo infeliz estejam passando por um momento ruim, por um momento de perdição, de desânimo, de frustração e depressão nesta páscoa.

NÃO PODERIA DEIXAR DE RELEMBRÁ-LOS QUE:

Naquela mesma páscoa, Ele reapareceu a todos os seus discípulos para repreender o pavor que se apoderara deles, por causa do seu sofrimento, e por causa de sua morte.

.Naquele momento especial, Ele os confortou e os reanimou e fez recomendações finais a cerca da Sua vontade para o futuro dos mesmos.

RELEMBRAREI TAMBÉM OUTRO FATO ESPECIAL QUE ACONTECEU
DURANTE AQUELA PÁSCOA:

Escolheu um momento especial, para se reencontrar com Pedro, que antes da sua prisão declarara que jamais o abandonaria e se fosse necessário, por Ele enfrentaria até a morte.

MAS:
Apesar desta promessa, o negara durante o seu julgamento.

.Naquela páscoa Pedro o negou três vezes, e naquela mesma páscoa, Ele o procurou para dar-lhe a oportunidade de se reconciliar dando-lhe assim, uma segunda chance.

.Durante aquela experiência especial, estabeleceu com Pedro um recomeço, uma nova proposta ministerial, quando o desafiou a se converter e ser fiel a Ele e ao seu reino.

AGORA EU PERGUNTO EM ESPECIAL PARA AQUELES QUE JÁ ESTÃO FORMALMENTE ENVOLVIDOS COM JESUS E COM O SEU REINO AQUI NA TERRA:

ASSIM COMO FEZ COM OS DISCÍPULOS:

.Será que nesta páscoa, Jesus precisa repreender algum pavor em teu coração?

.Será que as perseguições que tens sofrido por causa do nome de Jesus, tem te deixado triste e desanimado (a) e nesta páscoa Jesus precisa te reanimar e te confortar com palavras que definam o teu futuro de forma clara e poderosa?

.Será que assim como Pedro, nesta páscoa, você precisa reencontrá-lo para se reconciliar e receber do mesmo uma nova chance para provar-lhe o seu amor e sua fidelidade?

SE ESTE É O TEU CASO:
Ore agora mesmo em espírito, e declare para o Senhor, o quanto você precisa ser tocado (a) por Ele nesta páscoa, dizer o quanto precisa ser confortado (a) e orientado (a) em sua jornada cristã.

O APÓSTOLO PAULO ESCREVENDO AOS IRMÃOS DE CORINTIOS AFIRMOU: Antes de tudo, vos entreguei o que também recebi: Que Cristo morreu pelos nossos pecados, segundo as escrituras, e que foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras. E apareceu a Cefas e, depois, aos doze; depois foi visto por mais de quinhentos irmãos; depois foi visto por Tiago, mais tarde por todos os apóstolos; e afinal, depois de todos também foi visto por mim.

E QUANTO A VOCÊ, PODERIA ASSIM COMO PAULO DIZER: Não o vi naquela páscoa em que Ele foi preso, morto e ressuscitado, Mas eu também tive um encontro pessoal e especial com Jesus.

.Você está em condições de fazer esta declaração?

.Quando foi que aconteceu esta maravilhosa experiência?

.Será que foi em uma páscoa, que o Senhor Jesus te escolheu e se manifestou a ti de forma pessoal e transformadora?

.E nesta páscoa, Ele já se manifestou a ti?

CONCLUO ESTA POSTAGEM COM AS PALAVRAS DE JOÃO, EM APOCALIPSE ELE DISSE: Jesus Cristo é a fiel testemunha, o Primogênito dentre os mortos e o Soberano dos reis da terra. Àquele que nos ama, e pelo seu sangue, nos libertou de nossos pecados e nos constituiu reino e sacerdotes para o seu Deus e Pai, a Ele a glória e o domínio pelos séculos dos séculos. Amém. Eis que vem com as nuvens, e todo o olho o verá. Certamente. Amém. Eu sou o alfa e o Ômega, diz o Senhor Deus, Aquele que é, que era e que há de vir, o Todo Poderoso. Maranata _ Ora vem Senhor Jesus.


SOU UMA SERVA DE DEUS:QUE PELO FATO DE TER UMA ROTINA DE VIDA ESTÁVEL PRINCIPALMENTE EM MEUS RELACIONAMENTOS:

CONSTATEI QUE: Familiares independentes, arrogantes e insensa­veis, 20 anos depois se tornam dependentes, humildes e amorosos.

CONSTATEI QUE: Irmãos em Cristo altivos e cheios de si, 20 anos depois, caem em pecado, e sem honra ficam sozinhos, precisando da compaixão daqueles a quem desprezou.

CONSTATEI QUE: Aqueles adultos que hoje zombam de nós e não querem ouvir o evangelho, 20 anos depois, são adultos velhos, decadentes, doentes, que vivem geralmente no abandono e que se pudessem, dariam tudo, para estar conosco e assim, poder nos ouvirem, serem consolados e fortalecidos pela palavra que outrora rejeitaram.

CONSTATEI QUE: Pessoas que não conhecemos, sem se quer imaginarmos, estão agora nos observando e um dia, 20 anos depois, darão testemunho de nossas vidas nos altares do Senhor.

ENFIM, CONSTATATEI ACIMA DE TUDO QUE: Quando somos estáveis em nossa rotina de vida mantendo-nos fiéis a Deus e à  sua palavra, 20 anos depois, temos a oportunidade de ver que Deus realmente faz além daquilo que somos capazes de imaginar